Amaxofobia: pânico a conduzir

As fobias é um mundo distante, complexo em que quem mais, quem menos pode cair sem se dar conta, e ver-se envolvido em uma onda de pânico diante de algo que vai marcar sua vida. A amaxofobia é o pânico a dirigir, e este blog de saúde se conta como esse medo afeta entre 10 e 33 por cento dos condutores portugueses.

Certamente conheceis a alguém que não pode pegar um volante. Se paralisa. O medo lhe invade o corpo e é incapaz de mover um só músculo. Sofre o que tecnicamente é chamado de amaxofobia, ou seja, pânico a dirigir. É um medo que faz com que a pessoa que sofre de ficar paralisada, trave e seja incapaz de reagir.
De acordo com alguns estudos elaborados pelo RACE, 75% das pessoas que sofrem amaxofobia em algum momento de sua vida, conseguem entrar outra vez ao volante do carro, superando, portanto, esse medo que lhes aborda. Além disso, também asseguram que em 95% dos casos são causados por pensamentos irracionais, fator que deve ser tratado por um psicólogo.
As fobias ao volante podem surgir de muitas maneiras. Uma das principais alarmes que costumam ocorrer se dão quando uma pessoa começa a ficar mais desculpas para não pegar o carro, para não dirigir. Digamos que o medo de reconhecer que sofre de uma fobia pode ser um dos principais problemas. Também costuma aparecer ansiedade quando se pega um volante, a sensação que desaparece quando se pisa em terra firme.