Cada quanto pode blanquearte os dentes

Olhar um sorriso perfeito está em nossos dias ao alcance de todos: através de diferentes tratamentos podemos alinhar os nossos dentes e, claro, blanquearlos para conseguir um sorriso, a nossa melhor carta de apresentação. Talvez você já fez algum clareamento dental ou pode ser que você esteja pensando em fazer um nos próximos meses, mas você sabe quanto tempo você pode repetir ou como é feita a manutenção para obter os melhores resultados? Te contamos tudo abaixo para que você também possa se orgulhar de sorriso.
Tratamentos de clareamento dental: os mais indicados
O clareamento dental é um tratamento que podemos realizar de diferentes maneiras, mas para o que nos convém sempre contar com o apoio e a informação dos profissionais de saúde dental. Uma vez que nos tenhamos decidido a blanquearnos os dentes, a primeira coisa que devemos fazer é ficar nas mãos de nosso dentista para que seja ele quem nos indique qual é o tratamento mais indicado para nós.
Fotoativação: este tipo de clareamento é realizado na clínica. Cada sessão dura cerca de 45 minutos e podemos ver os resultados desde o primeiro dia, com um enxaguamento de até oito tons. Para realizá-la é necessário proteger os tecidos moles e utiliza o peróxido de hidrogênio, que é ativado através de uma luz de LED.
Clareamento em casa: apesar de que se realiza em casa, esta técnica de clareamento também deve ter um acompanhamento por parte de um profissional médico. Em consulta se realizam cerca de moldeiras específicas para as nossas duas arcadas com base em um molde de nossos dentes, e através destas aplica-se um gel clareador em cada dente já em nossa casa.
Método misto: o método misto reúne as sessões de fotoativação na clínica com o clareamento em casa, conseguindo bons resultados. É o tipo de clareamento mais duradouro e eficaz, e pode clarear os dentes até 10 toques.
Clareamento interno: é um clareamento especial para situações concretas em que um dente perde sua cor, por alguma causa, como, por exemplo, quando um dente está desvitalizado depois de praticar uma endodontia. Este tipo de clareamento é realizado na clínica e iguala o tom da peça dentária com o dos outros dentes.
Cuidados e precauções ao branquear os dentes

O mais importante antes de começar com um clareamento dental é que o façamos sobre uma boca totalmente saudável. Devemos assegurar-nos de que não temos nenhuma cárie através da qual possam penetrar os agentes branqueadores e criar uma maior sensibilidade dental.
Além disso, também é realizada previamente ao clareamento uma limpeza bucal que nos permita eliminar as manchas mais superficiais dos dentes. Deste modo, o agente clareador entrará em contato direto com a superfície do dente e o clareamento terá um melhor resultado.
Quais ações devemos evitar ao branquear os dentes
Uma vez que nós branqueado nossos dentes, ou quando nos encontramos em processo de blanquearlos, é importante que a remoção de nossa dieta aqueles alimentos que possam provocar manchas no esmalte dental por causa do que contenham uma grande quantidade de pigmentos ou uma alta concentração de ácidos. Assim, em bebidas como chá, café ou vinho tinto, ou alimentos como as frutas vermelhas devem ser mantidos afastados de nossos pratos.
Além disso, podemos experimentar uma maior sensibilidade dental, o que também é uma boa idéia evitar alimentos e bebidas muito quentes ou muito frios.
Então, em quanto tempo posso blanquearme os dentes?
Não devemos esquecer que quando falamos do clareamento dental estamos nos referindo a um tratamento médico, pelo que será o médico especialista encarregado de falar de nós quando é que devemos repeti-lo e qual método é o melhor para nós.
O clareamento dental, independentemente do método que se use, costuma ser muito durável, especialmente se a partir do momento em que a realizamos também fazemos um acompanhamento e evitamos bebidas, alimentos e hábitos (como o tabaco) que possam provocar manchas. Dependendo da situação e também da nossa própria saúde dentária, o dentista cobrada a cada quanto tempo há que repeti-lo: se há reaparecimento das manchas pode ser feita uma vez ao ano.
Mesmo assim, o profissional médico nos encarrega de fazer sessões de controle ou manutenção (muito mais curtas do que as sessões de clareamento iniciais) para assegurar o branco do nosso sorriso.