Câncer de Cólon: sintomas e tratamentos

Hoje no nosso blog de saúde, vamos tratar sobre um dos tipos de câncer mais frequentes, como o câncer de cólon, que é aproximadamente o terceiro tipo de câncer mais comum.
O câncer de colón, ou colorretal começa no intestino grosso -cólon ou reto, parte final do cólon-.Quase todos os cancros do cólon começa em glândulas no revestimento do cólon e recto e são consequência de pólipos não cancerosos, que lentamente desembocam em câncer.
Aqueles que têm mais risco de desenvolver câncer de cólon
Sofrem de um alto risco de câncer de cólon as pessoas:
– Idade superior a 60 anos
– Consomem uma dieta alta em gorduras, pobre em fibras e que comem muita carne vermelha ou processada
– Sofrem de doença inflamatória do intestino, doença de Crohn ou colite ulcerosa.
– Possuem pólipos colorectal.
– Contam com antecedentes familiares de câncer de cólon ou com um histórico pessoal de câncer de mama.
– Pessoas com certas doenças hereditárias.
– Consomem álcool e tabaco.

Sintomas do câncer de cólon
Muitos casos de câncer de cólon não apresentam sintomas, mas alguns dos seguintes sintomas, podem indicar a presença de um câncer de cólon.
– Sensibilidade e dor abdominal na parte baixa do abdômen, também desconforto abdominal, gases, distensão abdominal e cãibras.
– Diarreia, constipação ou outras alterações nos hábitos intestinais ou na consistência das fezes.
– Sangue nas fezes e hemorragia retal.
– Perda de peso inexplicável.
– Sensação de esvaziamento incompleto após a evacuação intestinal.
– Fraqueza e fadiga.
– Anemia por deficiência de ferro.
Tratamentos do câncer de cólon
O tratamento do câncer de cólon depende em parte da fase em que se encontre o câncer, podendo incluir, entre eles a cirurgia para remover as células cancerosas e a radioterapia e a quimioterapia para destruir as células e o tecido canceroso.
Efeitos colaterais
Em relação ao medo dos efeitos colaterais destas técnicas é, por vezes , muito difícil de transportar, mas devemos lutar por isso. Por sorte, a cada dia temos mais remédios paliativos ao nosso alcance. Um deles é a maconha terapêutica que serve não apenas para alivia a dor, mas também para abrir o apetite e conter o vômito. No grow shop E-Parafernália de Madrid, podemos encontrar tudo o necessario para ter esse tratamento.

Cabe também destacar que a quimioterapia é agressiva com alguns elementos de nosso corpo e pode produzir a perda de cabelo. Agora, contudo, temos também grandes avanços como são as perucas de cabelo natural, que conseguem um grande efeito dissimulando o evidente efeito do tratamento.

Cirurgia
Em uma primeira fase, o câncer de cólon pode ser tratado através da remoção das células cancerosas, através da colonoscopia, nas fases I, II, e III, é necessário uma cirurgia mais extensa para retirar a parte do cólon, onde se encontra o câncer, e é chamado de ressecção de cólon.
Radioterapia
A radioterapia é usada, às vezes, em pacientes com câncer de cólon e câncer retal estádio III-, geralmente combinada com a quimioterapia. Para aqueles pacientes com doença em estádio IV, que se espalhou para o fígado, podem-se utilizar tratamentos de quimioterapia ou radioterapia diretamente sobre o fígado, crioterapia do câncer, cirurgia ou ablação por radiofrequência, ou seja, uma terapia dirigida a queimar o câncer.
Quimioterapia
Quase todos os pacientes em estádio III de câncer de cólon devem receber quimioterapia após a cirurgia, o que se chama de quimioterapia adjuvante, o fármaco 5-fluorouracilo pode aumentar a possibilidade de cura em determinados pacientes.
A quimioterapia também é usado para melhorar os sintomas e prolongar a sobrevivência em pacientes com câncer de cólon em estádio IV, em conjunto com certos medicamentos específicos, como o irinotecan, capecitabina, oxaliplatino, e 5-fluorouracilo entre os mais utilizados.