Como afeta o hipotireoidismo à fertilidade

Pessoas que são propensas a sofrer de hipotireoidismo
Alguns grupos de pessoas têm mais tendência ou facilidade para desenvolver esta doença, mas, certamente, as mulheres maiores de 50 anos são as mais propensas a sofrer com esta condição endócrina. Também a podem ter as mulheres que deram à luz há pouco tempo, mas este tipo de hipotireoidismo, em muitos casos, remete mais ou menos um ano, de ter dado à luz. Os recém-nascidos de mães que apresentam essa condição, sem importar o sexo do bebê, também têm tendência para sofrer.

Além disso, as pessoas que apresentam elevados de anticorpos de tireóide e as que passaram por uma cirurgia desta glândula ou tiveram que suportar terapia com iodo radioativo, o qual afeta o funcionamento da glândula tireoide, também são um coletivo com facilidade para sofrer de hipotireoidismo. Se você tem dúvidas sobre a possibilidade de que te mortifiques dessa condição, recomendamos que se relatórios neste artigo sobre como se manifesta o hipotireoidismo.
O hipotireoidismo afeta a fertilidade?
É verdade que o hipotireoidismo afeta a fertilidade tanto de mulheres como de homens, e que o faz diminuir a capacidade de ter filhos, de quem o sofre. No caso das mulheres, essa condição em que a glândula tireoide produz níveis muito baixos de hormônio da tireóide, produz irregularidades e problemas no ciclo menstrual. Alguns desses problemas em mulheres com hipotireoidismo são os seguintes:

Anovulação: trata-se de períodos em que os ovários não podem libertar um óvulo em que pode haver sangramento do útero não relacionado com a menstruação.
Amenorréia: é a ausência da menstruação devido ao aumento que se dá de prolactina quando há níveis de hormônio da tireoide muito baixos
Problemas e malformações no feto: o hipotireoidismo pode, inclusive, causar problemas no feto e abortos espontâneos, sobretudo durante o primeiro trimestre da gestação.

Embora seja verdade que esta doença endócrina, apesar de um número mais elevado de mulheres que de homens, também são muitos os homens que a têm. Como no caso das mulheres, também produz dificuldades no sistema reprodutor dos homens.

Os homens com níveis muito baixos de hormônio da tireóide têm uma menor produção de espermatozóides e diminuição do desejo sexual, devido a isso a sua fertilidade, se vê diminuída, mas não significa que tenha directamente a infertilidade, este último somente se dará em casos muito severos de hipotireoidismo e em casos em que esta condição não é médica, uma vez que com a medicação adequada estas complicações na fertilidade masculina são vistos facilmente corrigidos.

Como tratar o hipotireoidismo para melhorar a chance de ter filhos
Se esta doença é tratada corretamente, de acordo com as indicações do médico, uma vez que cada caso pode ter variações e precisar de medicamentos ou doses ajustadas, pode superar a maioria das dificuldades que se apresentam sobre a fertilidade tanto em mulheres como em homens. Para isso, além de seguir o tratamento médico que nos informe, teremos que seguir uma alimentação adaptada e mudar ou melhorar alguns hábitos do nosso dia-a-dia, como o exercício físico moderado, mas constante.

Obviamente, teremos que ir ao médico periodicamente para fazer resenhas desta doença endócrina e, para o tema da fertilidade, deve-se consultar o médico especialista que também pode nos ajudar a melhorar as chances de gravidez fornecendo doses pontuais de hormônio da tireóide ou outras formas que o médico considere adequadas para cada caso.

Recomendamos que você leia este artigo se quiser saber melhor como tratar o hipotireoidismo e assim poder levar uma vida mais confortável e melhorar as suas chances de ter filhos. Além disso, se você tem sido útil para saber como ele afeta o hipotireoidismo à fertilidade e te interessa conhecer melhor algumas mudanças que você deve fazer em sua dieta para melhorar a sua condição, convidamos você a ler este outro artigo sobre como comer se eu tenho hipotireoidismo.
Este artigo é meramente informativo, em MedicamentosClub não temos autoridade para prescrever qualquer tratamento médico, nem fazer qualquer tipo de diagnóstico. Nós convidamos você a ir a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de doença ou mal-estar.
Se você deseja ler mais artigos parecidos a Como afeta o hipotireoidismo à fertilidade, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde da Família.