Como conseguir não engordar no Natal: truques e dicas

O Natal está chegando, tempo de se reunir com a família, de dar presentes e de celebrar com os amigos. Embora estas datas também são associadas com as grandes compulsão alimentar, os brindes, os doces… E alguns inevitáveis quilos a mais. Mas, e se não são inevitáveis? Contamos-lhe como conseguir não engordar no Natal. É muito mais simples do que parece.

Alimentação consciente para não engordar
Se você ainda não tiver começado a comer de forma consciente, é um momento perfeito. Como já discutimos, o mindfulness não consiste só em meditar, mas acima de tudo tomar consciência do momento presente. O mesmo podemos fazer enquanto comemos, observando como nos sentimos, saboreando cada bocado e prestando atenção a quantidade de comida que ingerimos.
As refeições de natal tem todos os ingredientes para que seja complicado distinguir a fome emocional da fome real. Estamos distraídos com as conversas, temos uma variedade de alimentos apetitosos e diferentes para você escolher, e nos pesa o hábito de repetir os mesmos rituais na mesa, ano após ano.
Desta vez, podemos partir de uma ideia muito prática: comer mais não vai fazer você desfrutar mais. Ao contrário, para quem gosta de se sentir com a barriga inchada ou sem vontade de nada depois da refeição?
Truques para conseguir um equilíbrio saudável
Tomar consciência do que estamos comendo, não tem por que se tornar em um teste difícil de vontade, ou em uma tensão permanente que estragar o momento.
Encontrar um equilíbrio, que nos permita banquetear-se com nossos pratos preferidos, sem excedernos, é a chave para os dias de celebração. Estes são alguns truques que te ajudarão a alcançá-lo.

Na mesa
Solte o suporte: descansar entre bocados faz com que o download do ritmo de comer, saciándonos antes. Deixar o garfo na mesa enquanto masticamos e não voltar a pegar até que tenhamos terminado a cada mordida, é um gesto que podemos automatizar facilmente. Assim devemos evitar comer muito depressa, o que se costuma traduzir-se em demasiado.
Começa a colocar essa dica em prática desde já. É bem possível que você se surpreenda ao ver como muitas vezes nós levamos comida na boca, quando ainda temos meio cheio. Isso serve também para as taças, já que se as mantemos a mão continuamente havemos de beber mais.
Beba água: um copo de vinho ou de espumante contém cerca de 70 kcal, e se é um combinado de genebra ou whisky você pode ir para as 260 kcal. Beber em excesso não é nada saudável, isso temos claro, e, além disso, engorda geral sem nos fornecer quaisquer nenhum nutriente. Ter à mão uma garrafa de água, para alternar entre copas, contribui para reduzir o consumo total de álcool e a não deshidratarnos.
Sirva-se uma vez no prato: aqui sim há falta prestar um pouco mais de atenção. Sirva-se uma quantidade razoável do prato (do lanche, prato principal, sobremesa…) e antes de repetir, lembre-se que você já comeu o que considerabas adequado. Não está de mais fazer uma retrospectiva mental de vez em quando o que temos comido, antes de continuar.
Cuidado com o pão: se você não pode resistir a molhar o pão no seu molho preferido, faça-o com moderação. Um pequeno pedaço de pão é o suficiente para tirar o bichinho. Se a comida é muito calórica, é melhor não continuar somando calorias com alimentos que são para “acompanhar”.
Um natal diferente
Leva uma fruta para a sobremesa: bolos, sorvetes, marzipan, bolos… Os doces são abundantes por toda parte, o que aparecer com outro mais? Seja original e leva uma fruta exótica, uma torta feita com morangos ou uma refrescante de abacaxi que ajuda na digestão. No final, todo o mundo vai agradecer.
Evite comer na mesa: as refeições de Natal costumam alongar e, às vezes, sem perceber, podemos passar comendo e bebendo praticamente desde o meio-dia até a hora de jantar. É um bom momento para perguntar, eu tenho fome? Uma infusão digestiva é uma opção muito legal para ter as mãos ocupadas e não bicar em excesso. Você também pode sair para esticar as pernas, um passeio, depois de comer sinta fenomenal.
Descubra delícias saudáveis: se você toca cozinhar, pesquise um pouco e surpreenda seus convidados com receitas deliciosas e saudáveis. Está disponível um menu dando protagonismo aos vegetais, com ingredientes de qualidade, ao forno, ao wok, grelhado ou até mesmo crus. Seguro de marcas tendência para o ano seguinte.

Não caia na inércia e mova-se
Desde a primeira jantar de empresa, até o dia de Reis passamos por muitas refeições, lanches e jantares. Mas também há muitos dias “normais” no meio em que não temos nenhum compromisso e podemos facilmente seguir uma alimentação saudável.
O problema é que nessas datas costumamos cair em uma espécie de inércia em que, como já passámos uma vez, parece que pouco importa continuar a fazê-lo em todas as horas. Se comemos de bom a maioria dos dias e continuamos a praticar exercício de forma regular, mesmo que não tenhamos tempo, é pouco provável que ganharmos quilos.
Nem todos os encontros familiares ou com os amigos têm que se dar em torno de uma mesa, podemos sair de viagem, ir para um passeio ao centro, a andar de skate com os mais pequenos… Se por todas as atividades que planejamos sentados, pensamos outra, em que nos movimentemos um pouco, não só ganharemos em saúde, de certeza que conseguiremos celebrar um Natal muito mais divertidas.