Como prepararse mentalmente para uma competição esportiva?

Se vamos participar de uma competição esportiva, é porque queremos alcançar um objetivo, né? Ganhar uma corrida, um jogo ou conseguir alguma marca é uma grande motivação, que conseguiu que entrenemos e trabalhar durante meses para conseguir. Mas para manter os níveis de motivação ao longo dos treinos e no dia da competição nem sempre é fácil. Muitas vezes a euforia do momento ou os nervos podem brincarmos uma má passada e deitar por terra todo o trabalho realizado até à data.
Evitar que a mente vença o corpo não é fácil, mas também não é impossível. Apenas requer prática e uma predisposição para que tudo corra como deve ser.
A importância dos objectivos realistas
É bom mirar alto e ter grandes metas, mas você tem que selecioná-las com a cabeça, ou seja, você tem que escolher objetivos que sejam um desafio, mas que se possam conseguir. Por exemplo, você não pode começar a correr do zero e pensar que você conseguirá correr 10 km em menos de um mês e sem esforço. Há que escolher pequenos desafios para ir superando e assim melhorar o nosso desempenho. Como é o caso de muitos corredores ou runners, sair à rua, a fazer um exercício tão rígido pode ser mentalmente difícil às vezes. Cair na preguiça, especialmente no inverno, e não trabalha porque não tem um objetivo claro e mensurável em mente. Por isso é recomendável se inscrever para uma corrida popular, desta forma, podes avançar em suas capacidades à medida que chega nessa competição. Trabalhar durante meses se preparando para uma corrida representa uma motivação diária e um treinamento mental para quando chegar o dia da competição. Quando chegar tão referida data, sabes que podes conseguir superar essa competição.

Truques para manter a motivação
Alguns bons truques para poder potenciar a sua motivação no dia da competição é colocar a música que te encha de energia e sensações positivas. Quando você faz esporte em um estado mental mais alegre e café, é mais difícil do que se deixe vencer pelo desânimo e se sentir forte.
Você também pode trabalhar com a meditação e a visualização. Concentrar-se em seus objetivos e imaginar consiguiéndolos é uma boa maneira de motivador para continuar e lutar. Evocar a sensação de vitória e querer replicarla ao final da corrida será um impulso quando necessário enfrentar tal jogo ou corrida e cumprir com seus objetivos.
O apoio do grupo é fundamental quando você pratica exercício e se depara com uma competição. Procurar colegas que partilham os seus objectivos pode ser uma ajuda fundamental para quebrar a barreira mental que surge quando realizamos um esforço. A fadiga é uma das maiores inimigas da mente, te diz que não pode e que você estará mais confortável se paras, mas se contar com o apoio e a coragem de outros que ultrapassam esta barreira pode avançar para deixá-la de lado e continuar com o exercício.
Evita pensar na competição os dias antes. Isso pode evitar que você coloque muita pressão sobre seus ombros e lhe condições “o dia D”. E, acima de tudo, desfrute. Acha que ninguém te obriga a competir, porque você está fazendo algo que gosta e que se diverte, não há pensamentos negativos que passem a valer!