Dia Mundial do mal de Alzheimer

No próximo domingo, dia 21 de setembro será comemorado o Dia Mundial do Alzheimer, uma data que busca conscientizar as pessoas sobre o perigo desta doença que afeta milhões de pessoas em todo o mundo.

A data em questão foi escolhida há muito tempo pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Federação Internacional de Alzheimer, segundo conta a versão em português da Wikipedia.org. Do mesmo modo que no dia 21 de setembro, serve para alertar sobre o mal de alzheimer, também nessa data se comemora o Dia Internacional da Paz, que é um apelo global para a cessação do fogo e não violência.
Este blog da saúde já fez referência, em numerosas ocasiões, a doença de Alzheimer, também conhecida sob o nome de Mal de Alzheimer. Nesta ocasião, ele voltará a explicar as características desta doença.
O que é o mal de alzheimer?
É uma doença degenerativa que é classificada como uma louca, progressiva e irreversível, informou há muito tempo este blog, e acrescentou que os primeiros sintomas são a perda momentânea de memória, desorientação no tempo e no espaço e diminuição das funções intelectuais.
Em relação a esta doença, é importante mencionar que, como já se fez referência neste blog, foi feito um estudo que diz que o vírus da gripe aviária provocou a morte de células cerebrais. Isso pode vir a produzir danos severos no cérebro das pessoas que foram infectados pelo vírus e provocar o aparecimento de doenças como o mal de alzheimer.
Nas últimas horas, e é importante adicionar este ponto, pela sua importância, os meios de comunicação fizeram eco de informações que apontam que os pesquisadores identificaram três novos genes relacionados com o mal de alzheimer. Segundo informou o site do jornal espanhol El País da Espanha, este é o maior avanço conseguido nos últimos 16 anos.