Dicas para proteger nossos dentes em Natal

Resta um mês para chegar o Natal e, com ela, os excessos na comida. É a época mais perigosa para a nossa dieta, mas também para os nossos dentes. Nestas datas, há um grande número de perigos (açúcar, negligência, copiosas refeições familiares…) que ameaçam a nossa saúde oral, daí que devemos prestar uma atenção especial a nossa dentição durante o natal.

É muito complicado evitar comer muito no Natal, mas podemos seguir uma série de bons hábitos e conselhos que nos ajudarão a proteger nossos dentes e, portanto, protegê-los de uma forma eficaz contra problemas futuros e facilitar qualquer tratamento que possamos receber.
– O chocolate é muito presente nestas datas, por isso que é complicado ficar sem ele. Sempre será mais aconselhável tomar chocolate preto, com mais cacau e menos açúcar, o que é menos prejudicial para os nossos dentes. Além disso, é rico em minerais e antioxidantes.
– O nougat rígido, por seu grande conteúdo em amêndoa e baixo percentual-de-açúcar, é mais recomendável que o macio.
– Mastigar chiclete sem açúcar após as refeições, pois estimula a produção de saliva e limpa as superfícies dos dentes. A saliva é um grande aliado de nossos dentes, protegendo-os ao neutralizar o pH ácido que produzem as bactérias e a acidez dos alimentos.
– O vinho tinto é preferível ao vinho branco e champanhe, já que estes últimos são mais erosivos para o esmalte e o cemento da raiz dos dentes.

– Não há que fiar dos alimentos “sem açúcar”, pois muitos deles contêm substâncias derivadas que são igual e até mais prejudiciais para os nossos dentes.
– Tomar uma salada com azeite de oliva nas refeições, já que nos protege contra o desgaste dentário e cáries. Foi demonstrado que esse tipo de óleo gera uma película protectora invisível sobre os dentes que as cáries não podem penetrar.
– Reduzir o consumo de bebidas energéticas, já que contam com um componente ácido que desgasta o esmalte dos dentes. Se vai tomar uma, é melhor acompanhá-la de algo sólido, de forma que ao mastigar ocorra saliva e compensar a acidez.
– Os doces menos prejudiciais para a nossa dentição são os mais suaves e não pegajosos, como pode ser o chocolate.
– O ideal é escovar os dentes três vezes ao dia, com duração de, pelo menos, dois minutos. Em condições normais, o mais aconselhável é usar escova de cerdas de dureza média e ir alternando entre um dentifrício normal e outro que inclui agentes anticaries como podem ser o xilitol e o peróxido de carbamida.