Meditação é positivo: Começa a semana a ser mais gentil

A bondade é a qualidade de ser bom, generoso e atencioso com os que te rodeiam. Ser gentil com os outros pode fazer com que você se sinta bem. E é simples: quando você se conecta com os outros através da simpatia, um hormônio (uma substância de seu corpo que age um pouco como um mensageiro) chamada oxitocina é liberado. Viaja dentro do seu corpo e faz com que você e a pessoa a quem você ajudou, vos sintáis melhor.
No dia-a-dia é fácil ver atos de bondade ao seu redor. Você pode ajudar a alguém menos capaz com um saco de compras pesada, ou sorrir para algum viajante que passe todas as manhãs com a cabeça para baixo, para a estação de metro. No entanto, a bondade não vem apenas de forma física, pode ser praticada de forma individual. A meditação bondade-amorosa (MBA) é um tipo de prática budista que é sempre “pensar de forma amigável” para ajudar a aumentar as suas emoções positivas.
A MBA ajuda a desenvolver partes do seu cérebro que estão envolvidas em manter as emoções em equilíbrio. Basicamente trata-se de um tipo de treinamento para o cérebro.
Em MBA, treina seu cérebro para alterar a sua atividade para ajudá-lo a tomar sentimentos positivos e gerar emoções de compaixão e empatia para com si mesmo e os outros.
Gostaria de experimentá-lo? Estes são os passos:
1. Seja gentil com você mesmo
Ser gentil contigo mesmo é muitas vezes a parte mais difícil, mas é muito importante, com o fim de ajudar a eliminar as emoções negativas que você possa ter. Estas emoções negativas podem dificultar a capacidade de gerar esse amor compassivo para com os outros.
Em primeiro lugar, você deve começar a tomar consciência de si mesmo. Concentre-se nas emoções positivas, como a paz e, em seguida, passa a emoções mais fortes como a confiança.
Em segundo lugar, em sua mente, repita para si: “eu vou ser feliz e estar bem” ou algo similar. Fazer isso pode ajudar a sentir amor-bondade para si mesmo. Pode também imaginar imagens positivas em torno de si mesmo, como um círculo de luz que lhe rodeia, para ajudar com este passo.
2. Pense em um amigo de forma positiva
O passo seguinte é transferir esse amor-bondade para com alguém que aprecies muito. Pode ser um amigo ou membro da família. Este passo pode ser um pouco mais fácil. Muitas vezes é mais fácil sentir-se positivamente de alguém a quem quiser, ou com quem você tem uma relação muito próxima.
Tente usar os métodos anteriores para transferir amor-bondade para com o seu objetivo. Em vez de desejar o bem para si mesmo, repita em sua mente: “Que sejam felizes e estejam bem”. Do mesmo modo, em vez de imaginar o círculo de luz em torno de você, imagina um caminho de luz que esteja entre você e seu objetivo, pelo qual esse amor-bondade viajar entre os dois.

3. Estende teus pensamentos bons para alguém que você não conhece
Para este passo, escolhe alguém pelo qual não sentir emoções positivas ou negativas. Poderia ser alguém que você vê com regularidade na rua ou no corredor do trabalho. Utiliza os métodos descritos acima para ajudá-lo a transferir o amor-bondade para com eles.

4. Inclui a alguém que não te agrade em seus pensamentos positivos
Esta fase é um verdadeiro desafio. Você pode se sentir um pouco desconfortável ao tentar projetar pensamentos positivos em relação a alguém que não te agrada. Para ajudá-lo nesta fase, tenta não pensar em nenhum pensamento ou sentimento negativo que possa ter. A chave é pensar positivo sobre eles. Pode ajudar você a tentar pensar em querer-lhes bem como o tiver feito os passos anteriores.
Se você pode, trata de manter-te em cada passo, até que você possa sentir que o amor-bondade aparece. Permita-se um momento para observar o amor-bondade que geraste, e depois, gradualmente, vai passando para o próximo passo. Siga o processo até que tenhas completado todos os passos.
Se você não acha que você tem o tempo para a prática de MBA, trata-se de praticar quando estiver a caminho do trabalho ou a casa, ou quando prepara o jantar, e analisa como se sente.