Os implantes dentários causam dor?

A dor é uma das principais preocupações dos pacientes, quando o dentista lhes abre a possibilidade ou necessidade de solucionar a falta de peças dentárias com a colocação de implantes dentários. Como sublinha a Sociedade Espanhola de Periodontia e Osteointegração, SAIBA, em sua página web, as técnicas de implantologia “estão muito bem protocolizadas” para evitar que o paciente sofra de dor.
Os implantes dentários são raízes artificiais criadas para substituir as raízes dos dentes ausentes ou perdidos por qualquer causa, e que são capazes de integrar-se ao ponto de viver de forma saudável e totalmente natural com o resto dos tecidos da boca. Sobre essas raízes são resolvidos após as coroas ou próteses dentárias completando assim os dentes artificiais.

A cirurgia de colocação de um implante dentário é feito normalmente com anestesia local no consultório do dentista. Deste modo, para além do furo inicial com o que é fornecido a anestesia, o paciente não tem que notar nada quando o implante é colocado no osso, à margem de ouvir o instrumental de que se está usando e perceber os movimentos do dentista. Em casos muito específicos, por indicação médica ou porque o paciente o solicite, a intervenção é realizada sob efeito de sedação, geral, geral, em regime hospitalar.
Perturbações mínimas

Uma vez que a intervenção terminou e a anestesia começa a perder sua força, é normal que o paciente sinta algum desconforto na área tratada, que se pode corrigir facilmente com a medicação indicada pelo dentista.
A maioria dos pacientes acham que esse leve desconforto após a cirurgia de implante dentário é mais ou menos parecido com o derivado da extração de um dente, embora o grau de desconforto varia de paciente para paciente.
No entanto, existem diversos fatores que podem afetar a quantidade de dor que você sente após a cirurgia de implante dentário. Não é o mesmo que colocar um único implante que oito, nem é o mesmo de uma cirurgia com ou sem enxertos ósseos. Também varia de acordo com o osso e, segundo se opere na mandíbula ou na maxila superior. Nestes casos, pode-se esperar ter um pouco mais de desconforto depois.
Assim, a recuperação após a cirurgia de implante dentário depende de muitos fatores, e o processo de recuperação de cada paciente é único. Algumas pessoas se curam mais rápido que outras. Por isso, é muito importante, uma vez terminada a cirurgia seguir em casa e, nos dias seguintes, as diretrizes indicadas pelo profissional que colocou os implantes.
Não obstante, se passado o tempo indicado pelo dentista, o paciente vai continuar incomodando o implante dentário, é importante que volte a recorrer a uma consulta para que revisem o implante e o resto da estrutura dentofacial com o objectivo de diagnosticar as possíveis causas do mal-estar e resolver o problema.
Em suma, a colocação de implantes dentários não é um processo doloroso para o paciente e as dificuldades posteriores são mínimas, por que rejeitar, sem mais, pelo fato de tratar-se de elementos alheios a nossa boca e que nos causam dor, é uma razão, sem argumentos de peso. Os resultados deste tipo de cirurgia valem a pena no processo de recuperação do sorriso e da função masticatoria.