Sintomas e tratamento da colite ulcerosa

Sintomas de um surto de colite ulcerosa
A colite ulcerosa, na verdade, não se sabe muito bem porque é que, embora a maioria dos estudos clínicos e pesquisas constatam que tem relação com o sistema imunológico da pessoa que sofre. Em que a comunidade científica e médica se estiver de acordo é, em que os sintomas, alguns dos quais se manifestam com maior ou menor intensidade, chegando nestes casos, a ter surtos graves. Além disso, podem aparecer de repente, ou de forma gradual. Entre os primeiros sintomas que se observam são:

Cólicas ou diarréia: é normal notar desconforto no aparelho digestivo, sendo habitual que a pessoa com colite ulcerosa tenha diarreia. Desta forma, você terá que ir com frequência a evacuar fezes moles, chegando inclusive a expulsar o líquido. Há pacientes que só apresentam um episódio de diarréia, enquanto que em outros é mais frequente e sentir, mesmo que tenham os intestinos totalmente vazios.
A dor abdominal: às vezes acompanhado de inchaço, é outro dos sintomas mais claros e que, em geral, manifestam-se todos os pacientes com maior ou menor intensidade. Isso, além disso, é acompanhado de um som característico no intestino, que é semelhante a quando se está com muita fome, mas que, na realidade, ocorre pelo movimento interior do intestino.
Sangue nas fezes: é possível também que os excrementos haver presença de pus.
A febre: este é outro dos sintomas mais claros da colite ulcerosa. Por si mesma, não é um sinal claro, mas o que é quando ele se apresenta junto com o resto da sintomatologia.
A perda de peso: também é algo frequente em doentes com colite ulcerosa devido às contínuas evacuações. Além disso, às vezes, restringem a quantidade de alimentos que tomam porque outros sintomas comuns são náuseas e vômitos.
As úlceras orais ou úlceras na boca são outro sintoma de que se tem colite ulcerosa, já que é a doença, como mencionado anteriormente, também se reflete em outras partes do corpo que não são os intestinos. Igualmente, é possível que apareçam protuberâncias na pele do paciente.
Falta de crescimento nas crianças, um sintoma claro pode ser a falta de crescimento ou o desenvolvimento físico inadequado para sua idade.
Tratamento da colite ulcerosa
O tratamento da colite ulcerosa se concentra, principalmente, a reduzir ou eliminar os ataques agudos e repentinos, além de ajudar a melhorar o estado do colombo para que o paciente note a melhoria e possa levar uma vida mais normal. Não obstante, quando aparece um episódio grave, é possível que mesmo que a pessoa tenha que ser internada.

Em geral, o mais habitual é que o médico prescrever corticosteróides, antibióticos e imunossupressores, entre outros possíveis medicamentos, tais como os anticorpos monoclonais anti-TNF, que são mais modernos.

O médico também pode prescrever um tratamento que tem como base a granulocitoaféreis para absorver as células do sangue, que são as que causam a inflamação de uma maneira mais contínua.

Dieta para a colite ulcerosa
Além destes fármacos mais comuns, o tratamento da colite ulcerosa necessita também de uma boa alimentação. De fato, é fundamental, pois há alimentos que podem desencadear um surto. Além disso, é sempre recomendável comer em pequenas quantidades ao longo do dia, além de beber muita água para estar bem hidratado e evitar a desidratação se ocorrer um surto.

Alimentos proibidos para a colite ulcerosa

Dentro dos alimentos proibidos ou a evitar, é importante limitar a ingestão de lácteos, mesmo que sejam fonte de proteína e cálcio. Também não há que consumir todos aqueles que sonricos em fibra, para evitar um excesso de evacuações, como o farelo, a palha de milho, nozes, sementes e legumes. Também não é bom tomar alimentos muito gordurosos ou fritos ou molhos de manteiga ou margarina, pois nos ajudam a mover o intestino.

Tratamento cirúrgico para a colite ulcerosa
Nos casos em que o paciente não responde aos medicamentos e a dieta, pode ser necessário fazer uma intervenção cirúrgica. Uma solução que também é usado em pacientes que têm um risco maior de desenvolver câncer de cólon.

A cirurgia, por sua vez, é indicada quando houve mudanças no revestimento do intestino, há com freqüência um sangramento de uma certa intensidade ou quebrado o colón.

Estes são os sintomas e tratamento da colite ulcerosa que foi contado em MedicamentosClub, mas você deve sempre ir ao médico para que lhe faça as provas necessárias, se prescreva o tratamento e acompanhamento de sua evolução.
Este artigo é meramente informativo, em MedicamentosClub não temos autoridade para prescrever qualquer tratamento médico, nem fazer qualquer tipo de diagnóstico. Nós convidamos você a ir a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de doença ou mal-estar.
Se você deseja ler mais artigos parecidos a Sintomas e tratamento da colite ulcerosa, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e efeitos colaterais.