Sintomas e tratamentos de leucemia

A leucemia é um câncer que começa no tecido que se forma no sangue. Mas antes você tem que saber que a maioria das células do sangue se desenvolvem a partir de células da medula óssea, chamado de células-tronco. Contamos-lhe os sintomas e tratamentos de leucemia.
Os glóbulos brancos, vermelhos e plaquetas são feitos de células mãe que o corpo precisa. Quando as células envelhecem ou danificados, morrem e são substituídas por células novas. Em contrapartida, uma pessoa com leucemia, a medula óssea produz glóbulos brancos anormais que são as células de leucemia que não morrem quando deveriam e deslocam as células saudáveis.
Sintomas da leucemia
Em primeiro lugar, no que diz respeito aos sintomas da leucemia, temos de expor o seguinte:
Algumas pessoas que sofrem de leucemia crônica, podem não ter sintomas, o médico pode encontrar a doença por acaso, mas as pessoas com leucemia aguda costumam ir ao médico, já que se sentem doentes, podendo ter parte da seguinte sintomatologia.
– Gânglios linfáticos inchados.
– Febre ou suores noturnos
– Infecções frequentes
– Fraqueza e cansaço
– Sangramento e aparecimento de nódoas negras com facilidade.
– Desconforto ou inchaço do abdômen.
– Perda de peso ou perda do apetite, sem razão.
– Dores nos ossos e articulações.
Tratamento da leucemia
Existem muitas opções de tratamentos de leucemia:
QUIMIOTERAPIA
A quimioterapia utiliza medicamentos para destruir as células leucêmicas, e você pode receber várias maneiras diferentes:
– Pela boca, em forma de medicamentos.
– Na veia.
– Através de um cateter, que evita a necessidade de muitas injeções.
– No líquido cefalorraquidiano (lcr), directamente ou através de um cateter chamado de reservatório de Ommaya, que se coloca acima do couro cabeludo.

TERAPIA DIRIGIDA
Pessoas com leucemia mielóide crônica e leucemia linfoblástica aguda podem receber medicamentos chamados de terapia dirigida, que bloqueiam o crescimento das células leucêmicas.
TERAPIA BIOLÓGICA
Algumas pessoas com leucemia recebem medicamentos chamados terapia biológica, que é um tratamento que melhora as defesas naturais do corpo contra a doença. Um tipo de terapia biológica é uma substância chamada de anticorpo monoclonal, que é administrado por infusão e se une às células de leucemia.
RADIOTERAPIA
A radioterapia utiliza raios de alta energia para eliminar as células leucêmicas, a qual é realizada cinco dias por semana, durante várias semanas. Os tratamentos de radiação são administrados uma ou duas vezes ao dia durante alguns dias, geralmente antes de um transplante de células estaminais.
TRANSPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO
Permite que o paciente seja tratado com altas doses de medicamentos, radiação ou de ambas, as altas doses destroem tanto as células leucêmicas, como ao resto de células do sangue na medula óssea.
Depois de receber altas doses de quimioterapia, radioterapia ou ambos, se recebem células-tronco saudáveis, que substituem as que foram destruídas pelo tratamento e pode vir do próprio paciente ou de um doador ou membro da família.